Alemanha precisa de 3.000 enfermeiros para hospitais de clínicas

A saúde pública na Alemanha precisa de, pelo menos, 3.000 enfermeiros para cobrir as suas necessidades de pessoal nos hospitais e clínicas, segundo dados do Instituto Alemão de Centros Hospitalares, divulgados este sábado.

Cada hospital ou clínica na Alemanha tem, em média, uma falta de 5,6 postos de trabalho, segundo dados deste organismo.

 

Os centros hospitalares com mais de 600 camas são os que apresentam maiores dificuldades, com mais de metade (53,1%) a enfrentar problemas sérios para cobrir as suas necessidades.

 

Nas clínicas e hospitais com 50 a 200 camas, cerca de 40% (37,9%) têm um grave défice de enfermeiros, enquanto nos centros com 300 até 599 camas, 29,2% estão afectados por este problema.

 

Cerca de 40% dos hospitais revelam problemas em cobrir as escalas de trabalho com pessoal, uma percentagem que, em 2009, era de 16,2%, assinala o estudo, segundo o qual 280 mil pessoas têm emprego neste sector.

fonte:http://www.jornaldenegocios.pt/

publicado por adm às 00:11 | comentar | favorito