Empregos de verão diminuem com a crise

Os contratos de trabalho sazonais são o que permitem uma redução do número de desempregados, mas mesmo no Algarve, este ano, os empresários e comerciantes admitem que estão a contratar menos pessoas.

E isso talvez explique o facto de a taxa de desemprego não tenha crescido: de abril para maio, segundo dados do Eurostat,manteve-se nos 15,2%, mas a verdade é que não se sentiu a criação de emprego própria do verão.

TVI falou com Luís Ora, que conhece como ninguém os efeitos da sazonalidade no comércio algarvio: trabalha durante o verão, altura em que amealha para os longos meses de inverno passados em casa. 

Como Luís são milhares os que desesperam meses a fio pelo verão. Mas arranjar emprego, mesmo que sazonal, é cada vez mais difícil; a crise tem afastado cada vez mais os turistas do algarve e com menos clientes os comerciantes contratam menos a cada ano que passa.

fonte:http://www.agenciafinanceira.iol.pt/e

publicado por adm às 21:20 | comentar | favorito