Governo desafia desempregados a aceitar trabalho na agricultura

O ministro da Agricultura desafiou hoje, no Algarve, os desempregados nacionais com capacidade para trabalhar no setor agrícola a aceitarem as propostas de emprego existentes em Portugal e recordou que os empresários estão a contratar mão de obra externa.

 

 

«Gostaria de ver mais gente que está no desemprego a aproveitar a oportunidade que o setor da Agricultura cria, porque há de facto uma criação de postos de trabalho na área», disse António Serrano, à margem de uma visita a diversos investimentos do Programa de Desenvolvimento Rural (PRODER) na região algarvia.

 

Questionado pela Agência Lusa sobre o porquê de haver falta de mão de obra portuguesa no setor hortícola e frutícola por todo o país, o ministro explicou que os empresários têm dificuldades em encontrar portugueses que queiram trabalhar na Agricultura e, por isso, estão a recorrer à mão de obra externa, nomeadamente tailandesa.

Diário Digital / Lusa 

publicado por adm às 22:57 | comentar | favorito